Login
Username:

Password:

Remember me



Lost Password?

Register now!
Main Menu
Search
Who is Online
3 user(s) are online (2 user(s) are browsing Léxico Filosofia)

Members: 0
Guests: 3

more...
Home Léxico Filosofia S saber Léxico Filosofia
Browse by letter
All | A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Other

saber

Definition:
(in. Knowing, To know; fr. Savoir; al. Wissen; it. Saperé).

Este verbo substantivado é usado com dois significados principais:

1) Como conhecimento em geral, e neste caso designa: qualquer técnica considerada capaz de fornecer informações sobre um objeto; um conjunto de tais técnicas; ou o conjunto mais ou menos organizado de seus resultados. W. James aceitou a distinção estabelecida por J. Grote (Exploratio philosophica, 1856, p. 60) entre conhecer uma coisa, uma pessoa ou um objeto qualquer (que significa ter certa familiaridade com esse objeto), e saber algo a respeito do objeto (o que significa ter dele um conhecimento talvez limitado, mas exato, de natureza intelectual ou científica) (The Meaning of Truth, 1909, pp. 11-12). Mas essa distinção difundiu-se especialmente na forma dada por Russell em famoso artigo de 1905: "A distinção entre experiência direta (acquaintance) e conhecimento sobre (knowledge about) é a distinção entre as coisas que nos estão imediatamente presentes e as que nós alcançamos apenas por meio de frases denotativas" ("On denoting", 1905, em Logic and Knowledge, 1956, p. 41). Tal distinção constituiu um dos pontos altos da doutrina do Círculo de Viena; embora Carnap tenha reconhecido desde logo suas dificuldades ("Testability and Meaning" in Readings in the Philosophy of Science, 1953, pp. 48 ss.) ela continuou sendo e ainda é o pressuposto de muitas doutrinas, inclusive a de Carnap (v. experiência).

2) Como ciência, ou seja, como conhecimento cuja verdade é de certo modo garantida (para este significado v. ciência). [Abbagnano]


(do lat. sapere, ter gosto, ter perspicácia), qualquer forma de conhecimento. — Distingue-se duas formas gerais de saber, segundo trate-se das ciências da natureza ou das ciências do homem: à primeira, puramente intelectual, pode encontrar uma formulação matemática (a formulação matemática das "leis" da natureza é a forma mais perfeita do saber); a segunda requer "compreensão", que é da ordem do sentimento: a "simpatia" é, segundo Max Scheler, a forma mais penetrante e mais adequada do saber no que concerne aos fenômenos humanos. O saber filosófico, ou compreensão reflexiva, une esses dois tipos de saber (é um saber que se exprime "conceitualmente" e requer entretanto uma "compreensão" espiritual a partir de seu sentimento individual, um "sentimento" evidência). (V. epistemologia, filosofia, ciência.) [Larousse]

Submitted on 17.05.2011 16:36
This entry has been seen individually 1089 times.

Bookmark to Fark  Bookmark to Reddit  Bookmark to Blinklist  Bookmark to Technorati  Bookmark to Newsvine  Bookmark to Mister Wong  Bookmark to del.icio.us  Bookmark to Digg  Bookmark to Google  Share with friends at Facebook  Twitter  Bookmark to Linkarena  Bookmark to Oneview  Bookmark to Stumbleupon Bookmark to StudiVZ



Powered by XOOPS © 2001-2012 The XOOPS Project