Login
Username:

Password:

Remember me



Lost Password?

Register now!
Main Menu
Search
Who is Online
16 user(s) are online (16 user(s) are browsing Léxico Filosofia)

Members: 0
Guests: 16

more...
Home Léxico Filosofia C corpo-alma-espírito Léxico Filosofia
Browse by letter
All | A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Other

corpo-alma-espírito

Definition:
Não obstante, Heidegger fala muitas vezes de Mensch não só no próprio SZ, como em preleções e textos posteriores a SZ. Tradicionalmente, o homem é visto como envolvendo três constituintes: o corpo (Leib), a alma (Seele, o princípio animador responsável por estarmos vivos e por nossa vida mais baixa, apetitiva e emocional), e espírito (Geist, nossa razão, nossa "capacidade de dizer eu", GA65, 53). Os filósofos em geral selecionaram um destes constituintes como o predominante, usando-o para explicar os entes como um todo. A maioria escolheu o espírito ou a razão, embora Nietzsche tenha preferido propositalmente o corpo ou a alma (GA65, 313. Cf. SZ, 48, 117, 198). O homem é, com frequência, distribuído entre várias ciências: o corpo à biologia, a alma à psicologia, e o espírito à psicologia ou à lógica. A antropologia, o estudo do homem, anthropos, tenta então reunificar o homem. O seu erro é, no entanto, tratá-lo como um ente dotado de uma natureza intrínseca bem própria, destituído de sua especial relação com o ser (SZ, 45ss; GA3, 209ss/ 142ss; GA28, 10ss). Isto é bastante distinto da antropologia de Kant (GA3, 132ss/91s). Apenas Kant considerou a Einbildung, "imaginação", central para o homem, e viu o "caráter poético [dichtenden] da razão" (GA6, 584/N3, 95s Cf. GA3, 63/42). Einbildung é não somente a capacidade de formar imagens dos entes, mas de abrir um mundo no qual podemos encontrar entes (GA3, 84/57. Cf. GA65, 312). Kant enxerga o homem em relação com o mundo e Deus, assim como a alma; a metafísica enraíza-se na natureza do homem (GA31, 206). Ele transcendeu o " liberalismo biológico" da visão corpo-alma-espírito, vendo que " a pessoa é mais do que o ‘eu’. A pessoa funda-se em uma legislação própria" (GA65, 53) — o que se aproxima da visão de que o ser de Dasein é uma saída para ela (SZ, 42). Kant e o idealismo alemão deram à "consciência de si centrada no eu [ichhafte], uma forma bastante diferente, que inclui uma indicação para o ‘nós’ e para o histórico e absoluto." (GA65, 68). [DH]

Submitted on 14.03.2012 14:49
This entry has been seen individually 87 times.

Bookmark to Fark  Bookmark to Reddit  Bookmark to Blinklist  Bookmark to Technorati  Bookmark to Newsvine  Bookmark to Mister Wong  Bookmark to del.icio.us  Bookmark to Digg  Bookmark to Google  Share with friends at Facebook  Twitter  Bookmark to Linkarena  Bookmark to Oneview  Bookmark to Stumbleupon Bookmark to StudiVZ



Powered by XOOPS © 2001-2012 The XOOPS Project