Login
Username:

Password:

Remember me



Lost Password?

Register now!
Main Menu
Search
Who is Online
9 user(s) are online (9 user(s) are browsing Léxico Filosofia)

Members: 0
Guests: 9

more...
Home Léxico Filosofia A artesanal Léxico Filosofia
Browse by letter
All | A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Other

artesanal

Definition:
O adjetivo artesanal indica o modo da ars (-tis), próprio do artesão, no seu agir e criar obra. Esse modo de ser, no entanto, era a manifestação do que constituía o modo de ser e de se interpretar do homem medieval, na realização da sua humanidade, como gênese, crescimento e estruturação de um mundo, sob o toque de uma determinada possibilidade de ser. Tal abertura da possibilidade de ser se chama existência. Assim, o artesanal no medieval não é, propriamente, apenas atributo e qualificação de uma pessoa ou de grupo de pessoas, mas sim o modo de ser, que uma vez subsumido pelo sentido do ser denominado filiação divina se tornou o característico próprio do ser medieval.

Essa existência artesanal subsumida pelo sentido do ser da filiação divina nos pode levar a crer que todo o pensamento medieval é unilateralmente teológico. Essa constatação é correta. Mas não no sentido de absolutização do teológico, entendido como um ponto de vista parcial, ao lado de outros pontos de vista. O teológico do medieval é antes uma pré-compreensão ontológica, isto é, o sentido do ser da existência medieval, o uni-verso da realização da realidade a priori, toda própria, cuja lógica do seu ser somente se torna acessível e necessária se nos colocarmos no ponto de salto, a partir e dentro do qual se dá a aberta (aqui, na significação de clareira, abertura; nesga do céu que as nuvens, abrindo-se por um instante, deixam ver, e através da qual vislumbramos a imensidão do céu aberto) da eclosão e manifestação do mundo medieval. Neste sentido, a criação como filiação divina é algo como condição da possibilidade de ser, agir, e sentir; portanto, é o ser do ser-no-mundo medieval, e não ponto de vista, um aspecto parcial. [Giachini]

Submitted on 28.02.2011 11:51
This entry has been seen individually 2527 times.

Bookmark to Fark  Bookmark to Reddit  Bookmark to Blinklist  Bookmark to Technorati  Bookmark to Newsvine  Bookmark to Mister Wong  Bookmark to del.icio.us  Bookmark to Digg  Bookmark to Google  Share with friends at Facebook  Twitter  Bookmark to Linkarena  Bookmark to Oneview  Bookmark to Stumbleupon Bookmark to StudiVZ



Powered by XOOPS © 2001-2012 The XOOPS Project