Login
Username:

Password:

Remember me



Lost Password?

Register now!
Main Menu
Search
Who is Online
7 user(s) are online (6 user(s) are browsing Léxico Filosofia)

Members: 0
Guests: 7

more...
Home Léxico Filosofia E ente Léxico Filosofia
Browse by letter
All | A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Other

ente

Definition:
Seiendes
(das) Seiende, "aquilo que é"
étant
being
ente


Uma tal procura que aspira pelo sophon, pelo hen panta, pelo ente no ser, se articula agora numa questão: que é o ente, enquanto é? Somente agora o pensamento torna-se "filosofia". Heráclito e Parmênides ainda não eram "filósofos". Por que não? Porque eram os maiores pensadores. "Maiores" não designa aqui o cálculo de um rendimento, porém aponta para uma outra dimensão do pensamento. Heráclito e Parmênides eram "maiores" no sentido de que ainda se situavam no acordo com o Logos, quer dizer, com o Hen Panta. O passo para a "filosofia", preparado pela sofística, só foi realizado por Sócrates e Platão. Aristóteles então, quase dois séculos depois de Heráclito, caracterizou este passo com a seguinte afirmação: Kai de kai ta palai te kai nyn kai aei zetoumenon kai aei aporoumenon, ti to on? (Metafísica, VI, 1, 1028 b 2 ss.). Na tradução isso soa: "Assim, pois, é aquilo para o qual (a filosofia) está em marcha já desde os primórdios, e também agora e para sempre e para o qual sempre de novo não encontra acesso (e que é por isso questionado): que é o ente? (ti to on)".

A filosofia procura o que é o ente enquanto é. A filosofia está a caminho do ser do ente, quer dizer, a caminho do ente sob o ponto de vista do ser. Aristóteles elucida isto, acrescentando uma explicação ao ti to on, que é o ente?, na passagem acima citada: touto esti tis he ousia? Traduzido: "Isto (a saber, ti ta on) significa: que é a entidade do ente?" O ser do ente consiste na entidade. Esta, porém - a ousia -, é determinada por Platão como ideia, por Aristóteles como energeia. [MHeidegger]


Ao mesmo tempo, emprega-se o "es gibt" (se dá), para evitar, por enquanto, a locução: "o Ser é"; pois o é se diz comumente daquilo que é. E isso chamamos de ente. Ora, o Ser não é o ente. Por isso, se se diz o é, sem ulteriores explicações, do Ser, então facilmente se entende o Ser como um ente, à maneira dos entes conhecidos, que como causa produzem efeito ou como efeito são produzidos. Sem embargo, já nos primórdios do pensamento, diz Parmênides; estin gar einai, "é, pois, o Ser". Nessa palavra se esconde para todo pensamento o mistério originário. Talvez o é só possa ser dito de maneira adequada do Ser, de sorte que, em sentido próprio, nenhum ente é. Todavia, porque o pensamento ainda deve chegar a dizer o Ser em sua Verdade, ao invés de explicá-lo como uni ente, tem que ficar aberta, para o desvelo cuidadoso do pensamento, a questão, se e como o Ser é. [CartaH]


A metafísica tem, enquanto a verdade do ente enquanto tal, duas formas. Mas a razão destas duas formas e mesmo sua origem estão fechadas para a metafísica, e isto, sem dúvida, não por acaso ou como consequência de uma omissão. A metafísica aceita esta dupla face pelo fato de ser o que é: a representação do ente enquanto ente. Para a metafísica [85] não resta escolha. Enquanto metafísica ela está excluída pela sua própria essência da experiência do ser; pois ela representa o ente (on) constantemente apenas naquilo que a partir dele se mostrou enquanto ente (he on). Contudo, a metafísica não presta atenção àquilo que precisamente neste on, na medida em que se tornou desvelado, também já se velou. [MHeidegger O RETORNO AO FUNDAMENTO DA METAFÍSICA]


Somente na clara noite do nada [Nichts] da angústia [Angst] surge a originária abertura do ente [Seiende] enquanto tal: o fato de que é ente - e não nada. Mas este "e não nada", acrescentado em nosso discurso, não é uma clarificação tardia e secundária, mas a possibilidade prévia da revelação do ente em geral. A essência do nada originariamente nadificante consiste em: conduzir primeiramente o ser-aí [Dasein] diante do ente enquanto tal. [MHeidegger O QUE É METAFÍSICA?]

Submitted on 20.10.2010 19:43
This entry has been seen individually 2038 times.

Bookmark to Fark  Bookmark to Reddit  Bookmark to Blinklist  Bookmark to Technorati  Bookmark to Newsvine  Bookmark to Mister Wong  Bookmark to del.icio.us  Bookmark to Digg  Bookmark to Google  Share with friends at Facebook  Twitter  Bookmark to Linkarena  Bookmark to Oneview  Bookmark to Stumbleupon Bookmark to StudiVZ



Powered by XOOPS © 2001-2012 The XOOPS Project